Terça, 16 de Julho de 2024 09:59
(73) 9 9197-1911
Itabuna Itabuna

Nova Estação de tratamento de esgoto do Hospital de Base passa por ajustes finais antes de começar operar

A estação de tratamento de esgotos vai favorecer a regularização da situação do hospital perante o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (INEMA).

06/06/2024 09h58
Por: Redação
Nova Estação de tratamento de esgoto do Hospital de Base passa por ajustes finais antes de começar operar

Na Semana do Meio Ambiente, o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, instituição administrada pela Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI), traz novidades acerca da construção da nova estação de tratamento de esgotos (ETE).

As obras encontram-se nos ajustes finais e em processo de regularização para a estação começar a operar. De início, as obras de reforma, ampliação e modernização custeadas pelo Governo do Estado da Bahia, em parceria com a Prefeitura de Itabuna, não contemplavam tal aquisição.

A equipe de engenharia da FASI sinalizou ao prefeito Augusto Castro sobre a importância dessa construção e ele prontamente atendeu ao pedido da equipe, conseguindo incluir a ETE no projeto das obras e serviços de reforma e ampliação da unidade hospitalar.

Na atual gestão municipal esta foi uma das muitas conquistas alcançadas pelo Hospital de Base. A estação de tratamento de esgotos vai favorecer a regularização da situação do hospital perante o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (INEMA). Além disso, demonstra preocupação com as questões ambientais, a partir de atitudes mais sustentáveis do governo de Augusto Castro (PSD).

De acordo com o engenheiro ambiental da FASI Guilherme Malta a construção da nova ETE está seguindo todos os parâmetros legais e normas técnicas, a exemplo da Resolução nº 357 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA), que visa estabelecer diretrizes para o lançamento de efluentes. “A nova estação vai conseguir atender, não só a área de ampliação, mas, toda a demanda de esgoto do Hospital de Base”, afirmou.

Tal qual a nova estação de esgotos, as obras de reforma do HBLEM, que já ultrapassam R$60 milhões, também seguem em ritmo acelerado, com previsão de entrega de parte do novo prédio, ainda este ano.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.